Bebê que nasceu prematura no Hospital do Oeste completa quatro meses de vida

Postado em

Bem antes do tempo previsto. Assim chegou ao mundo a filha de dona Monica Oliveira, que nasceu aos seis meses de gestação e pesando apenas 400 gramas. Monica que deu à luz no Hospital do Oeste (HO), unidade administrada pelas Obras Sociais Irmã Dulce (OSID) no município de Barreiras, diz que a bebê “é um verdadeiro milagre”: “Na hora do parto senti a presença de Santa Dulce me acalmando e, apesar de todas as dificuldades, tudo deu certo. De imediato, já sabia que minha filha iria receber o nome de Dulce Aparecida”.
Hoje, aos quatro meses de idade, pesando dois quilos e 540 gramas, Dulce é sinônimo de perseverança para a toda equipe da UTI Neonatal, que já desenvolveu um vínculo afetivo com a bebê e torce para que ela se fortaleça ainda mais para conhecer sua casa em Paratinga, a 300 quilômetros de Barreiras.
De acordo com o Ministério da Saúde, a cada dez minutos seis bebês prematuros nascem no Brasil – são cerca de 340 mil nascimentos por ano. No Hospital do Oeste, o Serviço de Neonatologia disponibiliza 22 vagas. Só no mês de agosto do ano passado, foi registrado o nascimento de 25 prematuros no HO. Além do acesso à assistência de saúde, na unidade, pais e bebês são acolhidos e envolvidos com muito o carinho.

Fonte: Ascom Hospital do Oeste (HO)

Clique e participe dos nossos grupos de WhatsApp:
Se Liga Barreiras 01
Se Liga Barreiras 02

Deixe seu comentário